Como conservar o seu apartamento da praia

O sonho de muita gente é ter um apartamento no litoral – e quanto mais perto do mar, melhor. Porém, apesar de todos os benefícios de morar ou ter um imóvel na praia, você precisará de cuidados extras para manter sua conservação. Confira algumas dicas que podem te ajudar a manter o seu apartamento impecável como novo.

Maresia

A maresia é o maior pesadelo de quem tem imóveis no litoral. Trata-se de um fenômeno de corrosão acelerada que afeta as cidades litorâneas. Portões, carros, eletrodomésticos, cadeiras de praia são os principais afetadas, mas madeira e tecidos também sofrem. Nada escapa a maresia, porém, há alguns cuidados que você pode ter.

A limpeza constante ajuda a retirar o sal da superfície, evitando que a corrosão se espalhe. Materiais como vidro, plástico e acrílico suportam bem a maresia e podem ser utilizados em mobília e janelas, além disso, armários e estantes com portas destes materiais protegem seus eletrodomésticos e capas protetoras também são uma boa solução.

Nos estágios iniciais da oxidação dos eletrodomésticos, você pode lixar a área afetada e passar esmalte para impedir a proliferação da corrosão. Em estágios mais avançados, procure um profissional de manutenção. Nas janelas e portões, prefira aço inoxidável e alumínio e evite que a pintura descasque. A aplicação de verniz ou revestimentos antioxidantes previne a corrosão.

Nos móveis de madeira, utilize óleos lustra-móveis ou de peroba. Para pisos de madeira que sofrem com a exposição ao sal e sol, o verniz naval pode ajudar. Opte por tecidos à base de poliéster e, por fim, tintas impermeabilizantes e fungicidas ajudam a manter a estrutura do apartamento.

Umidade

Áreas litorâneas são extremamente úmidas e a umidade, assim como a maresia, afeta seu apartamento, seus móveis e eletrodomésticos. Além de manter uma rotina constante de limpeza, uma boa dica é optar por espaços mais abertos e integrados, onde haja a circulação de ar. Deixe os cômodos arejados e bem iluminados e, se necessário, dê um “banho de sol” em móveis como colchões, que tendem a puxar a umidade. A umidade também é uma das causas de mofo e esse zelo ajuda a evitá-lo.

Piscinas e caixas d’água

Imóveis com piscina exigem cuidado especial. Mantenha sua água sempre limpa e troque-a com frequência. Esvaziar a piscina pode comprometer o material do qual ela é feita. Água parada, tanto na piscina quanto na caixa d’água são potenciais focos de dengue, então a limpeza e o cuidado devem ser constantes. Na área da piscina, mantenha o chão limpo e sem muita umidade para evitar a formação de limo.

Insetos

A junção de altas temperaturas, água em abundância e umidade é perfeita para a proliferação de insetos. Mantenha um cronograma de dedetização e utilize telas e mosquiteiros para evitar as “ameaças voadoras”.

Viagens e baixa temporada

Se você for viajar por um período longo de tempo ou caso feche o apartamento na baixa temporada, é preciso deixar o apartamento preparada para o período. Faça uma boa limpeza em toda a estrutura, cuide dos focos de umidade e guarde as roupas em embalagens de plástico ou de TNT, mantendo-as em armários que não ficarão fechados. Colchões e estrados da cama devem ser mantidos na posição vertical. Quando retornar ao imóvel, certifique-se de limpar muito bem o imóvel, arejar todos os ambientes, cuidar para focos de água parada e fazer uma boa dedetização.

Com essas dicas, seu imóvel ficará em excelentes condições durante o ano todo, mantendo qualidade de vida excelente para você e sua família!

Ainda não tem um imóvel na praia? Podemos te ajudar a encontrar o apartamento perfeito para a sua vida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *